Receita | Panquecas de Banana.

 Depois da publicação relativa à minha mudança alimentar, dei por mim a reflectir. Ainda há muitas arestas por limar e longe estou de ser um guru de inspiração. Nem sei se o pretendo ser, na verdade... Mas eu quero sim registar cada passo que dê na direcção certa para que mais tarde me recorde do processo que me exigiu para alcançar o equilíbrio pretendido.
Como referi, eu não tomava o pequeno-almoço. Nunca. Aos poucos, comecei a ingerir qualquer coisa enquanto conduzia de manhã, até que passei de facto a cozinhar os meus pequenos-almoços. Os ovos mexidos com pimenta e as panquecas são os meus pratos preferidos para começar o dia! Confesso que nem sempre consigo organizar-me e dedicar-me este tempo, em prol dos cinco a dez minutos a mais na cama. Acredito que este seja o próximo passo a dar, visto que as vantagens de um pequeno-almoço equilibrado são inúmeras.
Mas a publicação de hoje apenas tem como objetivo partilhar com vocês uma das receitas que mais tem contribuído para me incentivar a ingerir um pequeno-almoço todos os dias. Acordo agora cheia de vontade de comer estas panquecas que são tão simples de preparar!
IMG_0894
INGREDIENTES: Duas Bananas para cada Ovo; Canela e Manteiga de amendoim (Opcional); Óleo de Coco.
Começa por amassar as bananas com um garfo até adquires uma densidade pastosa. Adiciona um ovo por inteiro por cada duas bananas. Esta quantidade é a suficiente para uma pessoa com fome ao acordar! Coloca canela à descrição (como eu faço), e mistura bem. Caso a consistência ainda esteja muito líquida, poderás adicionar farinha de milho em reduzida quantidade ou acrescentar outra banana. É uma questão de ir observando a massa. Já na frigideira, pré-aquecida e lubrificada com óleo de coco, cria pequenos aglomerados de massa. Depois é só esperar, virar, e comer! Podem decorar com fruta ao vosso gosto. Eu tenho adicionado um colher de manteiga de amendoim, a qual conjuga bem com a banana!
Dicas: É realmente necessário adicionar alguma gordura à frigideira, caso contrário agarra e queima. Convém também fazer panquecas de menores dimensões para facilitar o processo de viragem, o qual se sinaliza por um ligeiro borbulhar.
Não é a coisa mais fácil de se fazer? Embora a massa não possa ser reservada para mais tarde, é super fácil de executar no momento! 👅

Gostariam que partilhasse mais receitas pelo blogue, bem como as minhas aventuras e testes culinários neste processo de reeducação alimentar? Das duas uma: ser-vos-á útil com novas receitas pouco tradicionais ou uma comédia pegada!

7 comentários:

  1. Há alguns anos atrás experimentei fazer panquecas de banana e jurei para nunca mais. Sabiam tão mal que só de me lembrar já estou a ficar mal disposto. Segui uma receita à risca e o resultado foi terrível. Acho que se deve a gosto pessoal. Mas se gostas, é uma óptima e saudável opção para os pequenos-almoços :)

    Ricardo, The Ghostly Walker.

    ResponderEliminar
  2. Coisa fácil e deliciosa, posso afirmar por experiência própria! Na verdade, faço regularmente panquecas, mas as que gosto mais são as simples de aveia, linhaça e água, às quais posso, depois, acrescentar os toppings que quiser sem haver grandes misturas de sabores. :)

    ResponderEliminar
  3. Adorooo! Tenho que fazer hoje para um snack ;)

    Beijinhos,
    O meu reino da noite ~ facebook ~ bloglovin'

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Assim é que é! Espero que gostes!
      Tu e a tua barriguinha :)

      Eliminar
  4. Não gosto de panquecas, nem de banana. Mas vou partilha-la com a minha mae que anda sempre a procura deste tipo de receitas

    ResponderEliminar