Do trânsito infernal, dos turnos surpresa e das horas sem dormir.

IMG_0888
O pensamento positivo pode surgir naturalmente para alguns, mas também pode ser aprendido e cultivado; muda os teus pensamentos e mudarás o teu mundo. - Norman Vincent Peale
De todas as mil e uma fotografias pendentes da minha viagem ao Norte - estive não só pela invicta como também por Guimarães, decidi actualizar este meu cantinho com uma fotografia do trânsito infernal da IC19. O cúmulo da paciência para qualquer condutor... Sou experiente nestas andanças do pára e arranca, não fosse eu proveniente da margem sul. Entre um bafo e música jazz lá se fizeram uns tantos quilómetros em uma hora, com acidentes pelo meio devido aos típicos toques de quem ainda não acordou ou quiçá, que como eu, ainda não disse olá à almofada. E pensava eu para com os meus botões ao sair do turno da noite: "Vou no sentido contrário do trânsito!"; "Vai ser giro olhar para a cara de quem ainda vai trabalhar e eu já despachei os meus afazeres!". Dito e feito. Esqueci-me somente de um pormenor. A IC19. Gerada e nascida no Cacém e ainda não me tinha deparado com tamanho bicho.
Na verdade, o dia de ontem (ou as últimas 32 horas - já não sei a quantas ando...) foi um dos típicos dias em que tudo parece correr mal... Ora, fui correr para o paredão da Costa da Caparica e levantou-se um vento descomunal. Comi... areia. Entretanto, o meu melhor amigo fez anos e recebo um convite para vegetar ao sol em sua honra. Tendo que finalizar um projecto que há muito estava pendente, ainda considero um final de tarde com direito a um copo por Lisboa. Eis que recebo uma mensagem surpresa da minha orientadora de estágio a avisar-me de uma mudança de turno de última hora. Iria fazer turno nessa mesma noite.  E lá vou eu de volta para Setúbal para buscar a farda, comprar uma empada de atum e jantar enquanto conduzo. De facto, eu posso afirmar que vivo dentro do meu carro a ver pelo número de horas que passo com o meu el rabo alapado no seu assento. Mas estas linhas não se resumem a queixumes. 
Até nos dias mais difíceis como o de hoje/ontem, em que nem tempo para dormir tenho, consigo visualizar um outro lado, o positivo. Rir-me da situação, encolher os ombros, relativizar e deixar fluir. Algo que nunca pensei que fosse possível. E sabem que mais? Como é bom treinar a positividade! Passa por nos conhecermos cada vez melhor e perceber de que forma é que podemos fazer o click para outro estado de espírito. E nem é tão difícil assim. São coisas pequenas, como uma música na rádio que vos acalma ou uma câmara fotográfica no porta-chaves do carro para fotografar a luz por entre os carros (ou o vizinho a tirar macacos do nariz), que fazem a diferença. O meu conselho é que se rodeiem de ferramentas que vos permitam mudar o rumo do vosso dia. Eu gosto de ter sempre um saco de ginásio na bagageira do meu carro. Nunca se sabe quando precisarei de correr alguns quilómetros para acalmar as minhas inquietações. A meta é sempre melhor que o ponto de partida, nem que seja pela jornada em si. Encontrem as vossas ferramentas também.

(Tenho agora sempre uma farda pronta a usar no carro... Mulher prevenida vale por duas. Enfermeira ao serviço vale por quantas?) 😏

3 comentários:

  1. LINDO! VIVA A POSITIVIDADE! Tento levar mesmo esta norma comigo no dia a dia e é bela a forma como as coisas mudam à nossa volta. Até podemos deixar-nos ir abaixo instantaneamente, mas não ficamos lá mais de meio dia. Tem sido tão bom conseguir desfrutar de pequenas coisas como: uma criança a cantar de mão dada ao avô, um cão a picar outro cão pelo território, um jovem a ouvir música enquanto caminha para a Faculdade, os passarinhos a cantar logo de manhã.
    É mesmo bom, desfrutar a corrida com um sorriso na cara mesmo que me esteja a dar a dor de burro, ou fazer um trabalho a saber que mais tarde o descanso vai compensar e, por isso, faço-o com motivação.
    Gostei mesmo muito deste post Ju!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado, Joana pelo teu comentário. São sempre dos melhores! Com conteúdo!
      Um grande beijinho e continua o treino da positividade.

      Eliminar
  2. Boa maneira de ver as coisas :) Eu cá preciso de treinar a positividade :p

    ResponderEliminar